Base monetária: o que é e qual seu papel?

0

Dos conceitos de finanças que são extremamente condizentes com seus nomes, a base monetária é certamente um dos mais interessantes. Isso porque a base monetária é de fato a base financeira do país. Ela quem dita o nível de liquidez que uma nação tem disponível, não só em relação ao Estado em si, mas também pelas empresas, bancos e instituições financeiras que compõem todo o cenário financeiro.

Conhecer a base monetária é uma das formas mais exatas de conhecer toda a economia de um país, por isso hoje venha conhecer mais sobre o assunto e entender todos os aspectos referentes à base monetária.

O que é a base monetária e como ela funciona?

Conteúdo

A base monetária é como mencionamos a base financeira e a base de liquidez de uma nação. Esta base é composta por todas as moedas que estão em circulação em um país e também pela reserva dessas moedas mantidas por bancos no banco central. Ou seja, é basicamente toda a liquidez da nação.

O que é a base monetária e como ela funciona
Fonte/Reprodução: original

Lembrando que liquidez é todo ativo que pode facilmente ser transformado em dinheiro em ato, e moeda e reservas bancárias é a liquidez por excelência. Por estar muito ligada ao processo de liquidez, a base monetária também comporta outros ativos mais líquidos como investimentos que podem ser resgatados a curto prazo.

Neste esquema de ativos financeiros, a base monetária acaba classificando-os com base em sua facilidade em liquidez.

  • M1: Base monetária baseada em depósitos à vista, a mais líquida possível;
  • M2: Aplicações financeiras de curto prazo;
  • M3: Cotas de fundo de renda fixa;
  • M4: Inclui títulos disponíveis no mercado e títulos privados.

Como podemos ver, a base monetária é extremamente abrangente, justamente para que o panorama econômico mostrado por ela seja completo.

Qual é o papel da base monetária na economia?

A base monetária é talvez um dos indicativos econômicos mais relevantes do mercado. Isso porque o próprio Banco Central (Bacen) utiliza a base monetária para tomar algumas decisões. Utilizando a base monetária, o Bacen pode aconselhar que bancos emprestem menos dinheiro e que instituições financeiras sejam mais conservadoras na hora de distribuir crédito.

Isso porque a depender da liquidez que o país apresenta não é interessante que o sistema de crédito seja despretensioso ao liberar mais crédito, conservando assim de uma crise ou inadimplência.

Como a base monetária afeta o mercado de ações?

A base monetária pode criar ou entusiasmo ou desconfiança em relação ao mercado financeiro, afetando assim indiretamente o mercado de ações que muitas vezes acompanha as tendências do mercado.

Por que aumentar a base monetária pode levar à inflação?

Quando a base monetária aumenta isso significa que há mais dinheiro circulando no mercado. Com muito dinheiro circulando no mercado, os bens acabam sendo mais escassos para muita oferta de crédito, assim ocasionando a inflação.

No entanto, a base monetária pode sim ser aumentada de maneira eficiente sem causar uma alta na inflação, basta que uma boa estratégia econômica seja aplicada.

Como a base monetária é controlada pelo banco central?

O Bacen tem controle sobre a emissão de moeda e pode, caso achar necessário, não emitir mais moedas para não aumentar a base monetária e por isso mesmo também não aumentar a inflação.

A base monetária é com certeza um dos índices econômicos mais importantes para o país. Tanto para mostrar o aumento da capital como também para controlar a inflação em toda nação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.