O que é Capitalismo Financeiro e como surgiu?

0

Você já parou para pensar que saber o que é Capitalismo Financeiro é essencial para conhecer sobre o desenvolvimento da economia e como o sistema de mercado que estamos atualmente se comporta? Apesar de existirem tantas coisas para memorizar como Bolsa de valores, juros e afins, todos eles partem de um mesmo princípio.

Com tamanha importância, é comum que muitos foquem em se desenvolver no sistema e esqueçam de entender mais o que é Capitalismo Financeiro. Por isso, neste artigo pretendemos mostrar esse conceito e ainda te dar um aprofundamento para que você possa ter sucesso em seu negócio!

O que é Capitalismo?

Conteúdo

O capitalismo é o nome que damos para o sistema econômico que almeja a obtenção e acumulação de lucros. Verá que essa ideia estará presente quando falarmos sobre o que é Capitalismo Financeiro.

O que é Capitalismo
Fonte/Reprodução: original

Com certeza você já deve ter ouvido de muitas pessoas que o capitalismo busca somente o lucro o que, não está errado, mas essa definição muitas vezes utilizada não está tão completa quanto deveria para explicar toda a vastidão e complexidade do capitalismo. A verdade é que é mais correto dizer que o sistema capitalista almeja o acúmulo de riquezas (ou acúmulo de capital) para um uso futuro ou a curto prazo.

Características do Modo de Produção Capitalista

O sistema capitalista atinge seu objetivo principal através da liberdade econômica, uso da propriedade privada, trabalho assalariado e existência de classes sociais. É interessante notarmos como o capitalismo exigiu uma grande expansão do raciocínio imperialista, política que almeja expansão de domínio territorial, cultural e outras vertentes.

Certamente você já viu em algum filme uma cena em que uma emissora de TV está a procura de uma matéria para levar a audiência às alturas, um escritor que tenta entender qual tema fará seu livro vender mais ou até mesmo você que pretende conseguir aquela promoção em seu trabalho para fazer a viagem dos sonhos. Pois é, aí está a exemplificação do capitalismo em sua definição, o acúmulo de riquezas para o uso.

Quais as origens do Capitalismo?

O sistema de produção capitalista nos revela muito a respeito de sua origem, já que é possível notar um certo padrão de procura por recursos que serão interessantes para as vendas.

Esse modo de pensar não é nem um pouco recente já que sua origem remonta a Europa Ocidental no século XIII, época na qual a burguesia entrou em grande ascensão por causa do declínio de outro sistema econômico do tempo, o feudalismo.

Após isso, outros episódios da história auxiliaram a expansão do capitalismo, a exemplo das grandes navegações, muito comentado para explicar sobre o desenvolvimento da globalização e que teve uma grande influência no sistema capitalista do Brasil e de outros arredores devido a nova descoberta de produtos comercializáveis e novas formas de venda como o transporte marítimo.

O que é Capitalismo Financeiro?

Com tudo que mostramos acima, podemos finalmente abordar sobre o que é Capitalismo Financeiro. Esta fase do sistema capitalista surgiu a partir do final da segunda guerra mundial (1939-1945) e teve um amplo crescimento em 1980.

O capitalismo financeiro se caracteriza pela forma de adquirir lucro através de ações, títulos, juros e outras formas do mercado financeiro que tanto conhecemos atualmente. Todos esses itens se tornaram mercadorias e são comercializados e comprados por investidores com base em estudos e especulações de valores da moeda.

Como se dá a formação do Capitalismo Financeiro?

Agora que você já sabe o que é Capitalismo Financeiro, podemos comentar a respeito sobre o seu surgimento. Conforme informamos no tópico anterior, essa fase tem sua origem após a segunda guerra mundial, porque após o conflito os meios de transporte receberam muitos investimentos.

Com a rápida modernização dos meios de transporte, comunicação e muitos outros meios tecnológicos que aumentaram a interação de várias empresas, a competitividade tornou-se muito mais presente entre elas. Para que elas conseguissem se manter fortes e em alta, elas competem para detenção do poder de oferta de algum bem. E o que isso tem a ver com dividendos, títulos e outras características do capitalismo financeiro?

Bem, acontece que para que elas consigam esse poder, as empresas atuais precisam emitir títulos, financiamentos, empréstimos e outros meios para conseguirem custear as suas operações e dessa maneira chegar ao patamar que desejam. Dito isso, é justo pensar que quanto maior a empresa, maior capacidade ela tem de adquirir o monopólio de algum bem e assim se tornar figura central de algum setor econômico.

Espero que tudo que falamos até aqui sirva para que você conheça a origem do Capitalismo Financeiro e a maneira pela qual ele atua. Se este artigo foi útil para você, não deixe de compartilhar para seus amigos e fique à vontade para explorar outros conteúdos importantes para as finanças aqui neste site.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.