O salário mínimo é um dos direitos mais importantes para o trabalhador brasileiro, pois é ele que garante remuneração  base justa para qualquer categoria de serviço promovida pela CLT. E com 2021 chegando, os trabalhadores estão preocupados acerca do reajuste do salário mínimo. Continue lendo e entenda tudo sobre o assunto:

Como mencionado, o salário mínimo é um dos benefícios mais importantes do trabalhador brasileiro. No último ano, o reajuste da remuneração base, deixou o salário mínimo no valor de R$1.045, que foi um valor insatisfatório para a classe trabalhadora, já que era muito próximo do salário anterior.

E por isso, muitas pessoas estão se perguntando sobre o novo salário mínimoque além de ser importante para os trabalhadores, é fundamental para o desenvolvimento da economia do país.

Todo ano, este benefício sofre ajustes, baseados na inflação atual do país, porém com a crise do coronavírus, afetando o setor econômico, as expectativas não são tão boas.

Como sabemos, mais de 25 milhões de brasileiros acabaram perdendo o emprego ou diminuindo consideravelmente a sua renda, devido a possibilidade de redução da carga horária de trabalho, aderida pela maioria das empresas.

Ou seja, a crise do desemprego, que já rondava o Brasil mesmo antes da epidemia do doença se instalar em nosso território, se agravou. Então, como fica o reajuste do salário mínimo para 2021?

Bem, é importante lembrar que o reajuste do salário mínimo dos últimos anos tem representado uma diferença mínima no total do trabalhador, pois a economia tem enfrentado uma instabilidade quase constante.

No último ano, o salário mínimo, que era de R$998 sofreu um acréscimo de 4,1%, chegando ao total mencionado de R$1.045. E este cenário não contava com uma crise econômica tão forte, como é aquela proporcionada mundialmente pela pandemia de coronavírus.

A verdadeira preocupação está acerca da possibilidade de um percentual de subtração para a remuneração base. Mas vale salientar que, de acordo com o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA), o salário mínimo deve continuar acima dos R$1.000.

A projeção de reajuste prevista é equivalente a R$1.079 para este ano, mas dependendo do decorrer da crise econômica, este valor pode ser alterado.

Para entender melhor como tem funcionado o cálculo do reajuste do salário mínimo durante os anos, vale a pena fazer uma comparação de acréscimo de, pelo menos, 5 anos para cá. E é através dessa previsão que esperamos o valor de R$1.045 para o salário mínimo deste ano.