Quais as taxas bancárias que são cobradas?

0

Se você costuma fazer transações bancárias diariamente, as taxas bancárias fazem parte do seu cotidiano. Por isso, é interessante conhecer quais as taxas bancárias cobradas para não se atrapalhar com suas contas no final do mês. 

Aqui você conhecerá um pouco mais sobre as taxas bancárias e poderá tirar as suas dúvidas sobre esse assunto, veja abaixo como elas funcionam.

Por que os bancos cobram taxas?

Conteúdo

Cada banco possui as suas próprias políticas e suas tarifas, isso se dá, pois os bancos precisam ter um retorno dos serviços prestados aos usuários. Os bancos físicos costumam cobrar mais taxas bancárias, pois o seu serviço depende de uma infraestrutura maior do que os bancos digitais. 

Por que os bancos cobram taxas?
Taxas. Fonte/Reprodução: original.

É por isso que as taxas de transferência como DOC ou TED costumam ser mais utilizadas por bancos físicos do que em bancos digitais. Além disso, as taxas bancárias de anuidade de cartão de crédito também são mais utilizadas pelos bancos físicos. 

Taxas que os bancos não podem cobrar

Após saber porque os bancos cobram as taxas bancárias é preciso saber quais taxas eles não podem cobrar segundo a resolução 3.919/2010. Uma dessas taxas é o Pix, essa transação bancária é relativamente nova e ela foi desenvolvida para facilitar as transações entre instituições financeiras diferentes, diferindo do DOC ou TED. 

Há outras taxas que os bancos não podem cobrar, veja abaixo:

  • Taxa de manutenção em contas de serviços essenciais;
  • Cartão de débito;
  • até 4 saques por mês;
  • Tarifa de manutenção de conta salário.

Existem outras taxas bancárias que os bancos não podem cobrar, entretanto, é preciso que você, ao abrir uma conta, leia o contrato com calma para estar ciente desde o início das taxas que o seu banco cobra. 

Quais são as principais tarífas bancárias cobradas?

É preciso conhecer as taxas cobradas pelos bancos, pois a cada transação bancária você está sujeito a ter uma cobrança diferente na sua conta, por isso veja abaixo quais são as taxas que normalmente podem ser cobradas:

Anuidade do cartão de crédito

A anuidade do cartão de crédito é normalmente cobrada em bancos físicos. Nos bancos digitais a anuidade do cartão vem com um combo de benefícios que o banco lhe dá a partir de assinaturas específicas de planos pagos como anuidade. Esse pagamento acontece todos os meses, você utilizando ou não o cartão de crédito. 

Transferência por TED

A transferência de TED, ou Transferência Eletrônica Disponível, possui uma taxa cujo valor varia de acordo com a instituição. Em alguns bancos essa taxa pode chegar até R$10,50. A transferência eletrônica acontece quando é feita a transferência entre bancos diferentes.

Manutenção de conta

A manutenção de conta muitas vezes vem atrelado a um conjunto de benefícios que faz com que o usuário da conta pague para aproveitar e, assim, a manutenção da conta acaba sendo camuflada pelas instituições bancárias. 

Saque

As taxas bancárias por saque são divididas de duas formas, alguns bancos costumam cobrar essa taxa de maneira individual, então a cada saque feito em um caixa 24 horas ou nos próprios guichês da agência é descontado um valor da sua conta. 

A segunda maneira que os bancos utilizam na cobrança de taxas de saque são como um plano mensal em que você paga um valor para o mês todo e assim você tem direito a mais de quatro saques por mês.

Como pagar menos tarifas bancárias?

Uma ótima opção para fugir das taxas bancárias é utilizar os bancos digitais. A maioria dos bancos digitais não possuem anuidade ou tarifas bancárias. Embora alguns deles possuam programas de anuidade, esses programas são uma espécie de conjunto de benefícios para o cliente. 

É preciso saber que contas com serviços essenciais não possuem tarifas e, por isso, acabam sendo atraentes para aqueles que buscam cortar essas taxas bancárias. Outro ponto importante é estar ciente do contrato firmado com o banco, para entender quais os serviços essenciais que não pressupõe cobranças.

As taxas bancárias estão presentes no nosso cotidiano, com isso, acaba sendo muito importante conhecer o banco que você utiliza e ter calma ao assinar um contrato de uma conta, leia as cláusulas e veja as taxas bancários que o banco costuma cobrar e, assim, você conseguirá escolher o banco ideal para a sua vida financeira. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.